Tudo que você precisa saber antes de embarcar na sua próxima viagem de avião

Atenção senhoras e senhores passageiros. Sejam bem vindos a este, que é o espaço ideal para dicas de viagem. Iremos conversar algumas vezes por este canal sobre o transporte aéreo, no Brasil e fora dele.

Seja você usuário frequente ou não, é sempre bom ouvir um lado diferente do seu, sobre visões, sentimentos e dicas de como tirar o maior proveito da opção ou necessidade atual de voar.

De início, sejamos bem francos. Depois do elevador, é o avião o meio mais seguro de transporte existente, ou seja, para médias e longas distancias, não há nada mais seguro que o transporte aéreo. Outra vantagem, ele não é mais tão caro quanto fora uns anos atrás e existem mais opções de voos com mais cidades atendidas.

Qual assento escolher no avião

Pessoal, vou começar falando do assento e pode parecer que não mas é um tema bem sério. Tem gente (como eu) que leva muito em consideração a questão do assento. Reserve o seu com antecedência. Hoje em dia, com o número localizador da reserva você faz isso até pelo site da companhia. Ainda, pode fazer no check-in antecipado – aliás, sempre faça o check-in antecipado – ou, em último caso, no balcão da companhia. Nesse caso você correrá o risco de ficar no incomodo assento do meio.

Se você não sabe qual assento escolher, tem medo de ficar em cima da asa ou qualquer outra superstição, eu vou dar uma dica: Por mais chocante que possa parecer, escolham assentos no fundo! Por três principais razões:

1- Pessoas viajando com criança de colo tem preferencias aos assentos da primeira fila. Essa preferência é estabelecida pelas companhias. Ou seja, a chance de haver várias crianças na frente é maior. Deixe essa área para quem realmente precisa.

2- No fundo, além da chance de pegar o assento do lado sem ninguém, os compartimentos de bagagem geralmente também tem mais espaço, isso por que as pessoas tem tendência a escolher assentos na frente (Menos você após ler isto) fazendo com que, em caso do voo não estar lotado, essa área esteja mais vazia.

3- Os aeroportos no Brasil tem poucos fingers ou até nem tem, portanto, a chance de você embarcar no ônibus ou a pé é enorme. Quando isso ocorre, o desembarque é feito pelas portas traseira e dianteira e se você estiver no fundo ira entrar e sair antes, pois como dito anteriormente, a maioria das pessoas esta concentrada na frente, utilizando aquela porta.

Mesmo assim, não sabe qual assento escolher? Especialmente em voos internacionais com aviões maiores? Não se preocupe, na internet existem sites especializados nisso. Um muito bom é o www.seatguru.com, com versões para Android e iOS. Nele é possível ver opinião de usuários sobre cada assento, com fotos do interior das aeronaves e recomendações acerca dos serviços.

Dito isso, vem o mais importante sobre esta questão de assentos: Uma vez embarcado, fique no seu. Não tente pegar o de outra pessoa, existem casos de brigas feias em aviões por causa do tema. Só mude de assento se, após o embarque encerrado, com a porta fechada, você veja um assento livre.

Bagagens de mão e bagagens despachadas

peso máximo malas de mao e despachadas dicas de viagem

Outro ponto crítico dentro de um avião é a bagagem de mão. Já perceberam que não cabe a de todo mundo em cima? Pois é, evite levar uma, mas se for necessário não exagere. Já presenciei uma pessoa com 4 malas uma vez. Em outra oportunidade uma mulher quis trazer um Macbook (não era o Macbook air, mas o desktop com tela de 20”) e ainda quis colocar em cima da minha mala, durante um voo de 10 horas. Pessoas sem noção são fáceis de achar. Poxa, respeite o espaço de todo mundo, se importe e reconheça que aquele avião, durante aquele período de voo, é uma mini sociedade e que você deve respeitar o espaço do próximo. Na sua viagem à Disney, por favor, não traga um Mickey gigante como bagagem de mão.

Algumas questões técnicas devem ser observadas quanto às bagagens. Para bagagens de mão o tamanho máximo permitido é de 115 cm na soma total das medidas, ou seja, se você somar altura, largura e profundidade não pode passar desse valor e o peso máximo é de 5 quilos e você pode levar apenas uma. Mulheres, além da mala de mão, podem levar uma bolsa pessoal. Mas por favor, não deem uma de malandra levando uma bolsa gigante tipo bolsa de praia e ainda uma mala de mão, fica feio igual. Lembre-se, se você ultrapassa o seu espaço, alguém pode sair prejudicado e um dia, esse alguém pode ser você.

Quanto às bagagens despachadas, o Brasil é um dos países com maiores possibilidades. Nos voos domésticos cada passageiro pode levar um volume de no máximo 23 quilos, não pode levar dois de 11 quilos e meio, apenas um de até 23 quilos. Já nos voos internacionais do e para o Brasil, a franquia é de dois volumes com no máximo 32 quilos cada, totalizando 64 quilos. Posso levar uma mala só de 50 quilos? Não pode pessoal. Nenhuma mala no mundo pode ter mais de 32 quilos, normas internacionais de ergonomia. Se passar de 32 quilos corre o risco da mala não ser carregada.

Durante o voo

Gente, viajar é uma delícia, mas se o voo é ruim, isso pode ser um atrapalho. Façam de tudo para respeitar os outros passageiros por que assim você poderá cobrá-los quando eles não estiverem lhes respeitando.

Não coloque o pé pra cima na cabeça do assento da frente, nem no braço desse assento, e também não ponha o joelho para fora do assento no corredor, você pode ser atropelado por um carrinho.

Enquanto sentado, fique com o cinto, nunca se sabe quando virá aquela turbulência de jogar as pessoas no teto, e sim, ela existe. Obedeça as recomendações da tripulação, eles não são garçons de luxo, mas sim profissionais treinados em garantir a sua segurança.

Outra coisa, avião é tipo cinema. Não converse alto por que incomoda os outros. Semana passada indo a São Paulo com a minha esposa, no assento atrás de nós tinha uma mulher absolutamente deselegante, falando super alto e coisas nada agradáveis enquanto conversava com um homem. Não é exagero, é simplesmente desagradável.

No mais, aproveitem o voo, não esqueça que ele é apenas um meio, um meio para aquelas férias tão esperadas, ou para aquele compromisso de trabalho que será certamente um sucesso, ou então, uma simples volta para casa, seja de onde for.

De fato o voo não é eterno, mas que, enquanto dure, seja bom.

Até a próxima.

Otavio Ronconi

1 Comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.